Marketing Pessoal

O marketing pessoal não deve ser visto como uma maneira de se gabar e tentar passar por cima dos outros. Trata-se de uma ferramenta muito útil para comunicar o que a sua marca – nesse caso, você!

5 min. de leitura

À primeira vista, a ideia de marketing pessoal parece estranha. Mas sabe aquele ditado que diz que “quem não é visto, não é lembrado”? Então, essa é uma das principais bases desse conceito que, atualmente, vem ganhando força por conta da crescente competitividade no mercado de trabalho. Portanto, você tem que saber “se vender”, enaltecendo suas qualidades e competências da maneira certa para conseguir atingir seus objetivos, sejam eles chamar a atenção dos recrutadores de uma empresa que você sempre sonhou em trabalhar, ser reconhecido pelo seu chefe ou gestor para conseguir cargos mais altos ou obter sucesso com o próprio negócio.

Vale lembrar que o marketing pessoal não deve ser visto como uma maneira de se gabar e tentar passar por cima dos outros. Trata-se de uma ferramenta muito útil para comunicar o que a sua marca – nesse caso, você mesmo (a) – tem de diferencial, visando o crescimento profissional. Da mesma forma, é importante ter em mente que esses esforços para conseguir mais reconhecimento devem ser alinhados com dedicação, estudo e vontade de estar sempre inovando – itens que vão sustentar sua carreira no futuro.
Existem dicas essenciais para quem quer começar a investir em um plano de marketing pessoal. Para começar, preste atenção em como está sua convivência com as pessoas no seu círculo profissional. Olhe nos olhos, sorria, tenha paciência, ajude, enfim, trate bem quem está do seu lado. Afinal, todo mundo quer trabalhar com quem é uma ótima companhia. Além disso, não se esqueça, nunca, de ser pontual. Chegar sempre na hora na empresa ou nos compromissos e entregar os trabalhados no deadline estabelecido demonstra sua organização e compromisso com as responsabilidades delegadas. Também vale prestar atenção na sua vestimenta, escolhendo peças que valorizem sua imagem profissional.

Da mesma forma, crie um networking favorável ao que você pretende atingir. Frequente os eventos certos e liste as pessoas com as quais você gostaria de interagir, pensando em como poderia agregar valor a elas. Nesses momentos de estabelecer novas conexões, conte sobre sua carreira, mas também saiba escutar e demonstrar interesse pela vida do outro.
Mas não é só isso: o exercício do autoconhecimento é igualmente essencial. Se você não souber quais são seus diferenciais e o que você pode oferecer para alguém ou alguma empresa, não adianta nada começar a “se divulgar” por aí. Assim, tenha clareza sobre sua área de atuação, seus pontos fortes e, claro, as suas fraquezas que devem ser superadas com mais esforço e estudos.

E aí, como anda seu marketing pessoal?

Avatar
Agência
A Bee Creative é uma agência multidisciplinar e multiplataforma que trabalha estrategicamente a convergência criativa de canais on-line e off-line, existentes ou excepcionalmente criados, superando sempre as expectativas quanto aos melhores resultados.
Facebook
LinkedIn
Instagram
Pinterest
Behance